GOSTOU?ME SIGA !!!

O Google está fazendo algumas alterações no Google Friend Connect, agora os seguidores necessitam ter uma Conta do Google para fazer login no Google Friend Connect para seguir os blogs.
Se você que me seguia e não tinha cadastro no Google, por favor faça o seu cadastro e volte
a participar da minha lista de seguidores e saibam que senti sim muita falta de vocês! Estou lhes esperando com o maior carinho!

quinta-feira, 19 de outubro de 2017

Torta de Abóbora



receita de Torta de Abóbora

Dificuldade: fácil
Ingredientes:200 gramas de farinha;300 gramas de açúcar;5 ovos;1 colher de chá de fermento;500 gramas de puré de abóbora cozida;Raspa e sumo de duas laranjas.

quinta-feira, 12 de outubro de 2017

PONTOS DE AÇÚCAR





PONTOS DE AÇÚCAR

A calda de açúcar é uma das partes mais importantes da doçaria Portuguesa, mais especificamente da doçaria conventual. Para preparar a calda de açúcar é necessário dissolver duas partes de açúcar em uma de água e levar ao fogo para atingir diferentes espessuras e densidades. Estes pontos podem ser medidos manualmente ou com termômetro.
Todos os tipos de açúcar podem ser submetidos a esta fervura, no entanto, o ideal é o açúcar branco granulado.
Dos diferentes pontos que a calda de açúcar atinge, pela ação da fervura, chamam-se PONTOS DE AÇÚCAR. Aqui encontra alguns deles:


1. Ponto de Pasta ou Calda Fraca
190 ml de água / 250g de açúcar
Levar o açúcar ao 
fogo juntamente com a água e deixar ferver durante 1 minuto. Introduzir uma colher de pau na solução fervente e retirar de seguida. Deixar escorrer para a panela e se a calda correr como se fosse água, o açúcar ainda não tem ponto. Logo que comece a aderir à colher uma pequena camada de açúcar, está em ponto de pasta. (Temperatura 101º C).

2. Ponto de Fio
190 ml de água/ 250g de açúcar
Continuando a fervura, se escorrerem fios da colher sem grande resistência, a calda está em ponto de fio. (Temperatura 105º C).


3. Ponto de Cabelo
190 ml de água/ 250g de açúcar
Se escorrerem fios finos e estaladiços da colher, a calda está em ponto de cabelo. (Temperatura 106º C).

4. Ponto de Pérola

120 ml de água/ 250g de açúcar
Se o fio que corre da colher for espesso e ficar uma gota suspensa na extremidade, a calda está em ponto de pérola. (Temperatura 108º C).


5. Ponto de Estrada

75 ml de água/ 250g de açúcar
Passar uma colher de madeira no fundo do recipiente, onde se encontra a calda, se formar como que uma estrada que deixe ver o fundo, a calda está em ponto de estrada. (Temperatura 110º C).


6. Ponto Assoprado

60 ml de água/ 250g de açúcar
Soprar uma escumadeira retirada da calda de açúcar, se formar pequenas bolas, que se desprendem como bolas de sabão, a calda está em ponto assoprado. (Temperatura 115º C)


7. Ponto de Espadana

60 ml de água/ 250g de açúcar
Deixar escorrer a calda de uma colher de pau, se cair como lâminas como espadas (espadanas) ou fitas largas, a calda está em ponto espadana. (Temperatura 117º C)


8. Ponto de Rebuçado (Bola Mole)

50 ml de água/ 250g de açúcar
Deitar, um pouco de calda, num recipiente com água fria, a calda se juntar num montinho duro e quebradiço, está em ponto de rebuçado ou bola mole. (Temperatura 126º C).


9. Ponto de Bola Rija

50 ml de água/ 250g de açúcar
Mergulhar um pouco de calda num recipiente de água fria, se formar uma bola consistente, a calda está em ponto bola rija. (Temperatura 129º C).


10. Ponto de Areia
50 ml de água/ 250g de açúcar
Depois de ferver, quando a calda começar a secar e se depositar nas paredes do tacho, a calda está em ponto areia. (Temperatura 140º C)


11. Ponto de Caramelo

50 ml de água/ 250g de açúcar
Depois do ponto anterior, o açúcar volta a derreter e a torna à cor de caramelo. Para este ponto utilizar sempre metade da quantidade de açúcar de água. (Temperatura 145º C).

quinta-feira, 5 de outubro de 2017

Torta de claras



receita de torta de claras


Serve: 10 pessoas
Dificuldade: fácil
Preparação: 45 minutos

Ingredientes:

Merengue:
6 claras;
8 colheres de sopa de açúcar;
Manteiga e açúcar em pó q.b.
Doce de ovos:
150 g de açúcar;
50 ml de água;
6 gemas.


Preparação:

Ligue o forno a 180º C.
Unte um tabuleiro com manteiga, forre-o com papel vegetal, também untado.
Bata as claras em neve, aos poucos adicione-lhes o açúcar, até obter um merengue firme.
Espalhe-o no tabuleiro e leve ao forno por 20 minutos.
Retire, deixe esfriar e vire sobre um pano polvilhado com açúcar em pó.

Prepare o doce de ovos:
Leve o açúcar ao fogo com a água e deixe ferver, até obter ponto-de- pérola.(Se o fio que corre da colher for espesso e ficar uma gota suspensa na extremidade, a calda está em ponto de pérola. (Temperatura 108º C).)
Retire e junte as gemas, previamente batidas, à calda. Leve de novo ao fogo brando, sem parar de mexer, até obter uma mistura cremosa e homogênea.
Passe o doce de ovos por uma peneira e leve-o novamente ao fogo
, mexendo até engrossar. Retire e deixe esfriar.
Cubra a massa com metade do doce de ovos e enrole-a cuidadosamente.
Reserve a torta no geladeira, até solidificar.
Antes de servir, regue-a com o restante doce de ovos.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Receitas populares

Cozinhando Vegetais

Cozinhando Vegetais

Tabela de Equivalência

Tabela de Equivalência

Arquivo do blog

topo de pagina

Pegue este efeito no Site Tony Gifs Javas